Cultura Pop ganha mostra no Shopping Praça da Moça

Renato Russo retratado por Rike de Paula. Créditos: divulgação

Ícones nacionais são retratados pelo artista Rike de Paula

Dez telas com personagens que nos levam aos anos 1960, 1970, 1980 e 1990 estão expostas no Shopping Praça da Moça, em Diadema. Com muita cor, as obras do artista plástico Rike de Paula ficam em exposição até o fim deste mês.

Nesta mostra, Rike traz retratos dos cantores Luiz Gonzaga, Tim Maia, Renato Russo, Sabotage e Carmem Miranda, além dos apresentadores Hebe Camargo e Chacrinha, o comediante Mussum e o piloto de Fórmula 1 Ayrton Senna. A exposição também tem uma tela com um índio brasileiro.

De acordo com o artista, “essa exposição é dedicada a alguns dos maiores ícones da cultura pop brasileira. Tem o intuito de resgatar o patriotismo e enfatizar a importância da cultura no nosso país”, explica.

Segundo o gerente de marketing do Shopping Praça da Moça Daniel Lima, “os artistas retratados nessa mostra foram extremamente importantes para a cultura do Brasil, são grandes ídolos brasileiros”.

Expo Cultura Pop Brasileira
Até 31 de agosto, das 10h às 22h
Piso Paineira – Loja 340
Evento Gratuito

Shopping Praça da Moça
Rua Manoel da Nóbrega, 712 – Centro, Diadema
Telefone: (11) 4057-8900
Estacionamento visitantes:  Carros 9,00 até 3 horas + 1,00 por hora adicional ou fração / Motos 9,00 a diária.

Assessoria de Imprensa Shopping Praça da Moça
Máxima Assessoria de Imprensa – (11) 3283-2508
Gabrielle Monice – gabrielle@maximasp.com.br– (11) 99207-9763
Mari Maellaro – mari.maellaro@uol.com.br (11) 99686-4285
Silvia Pacolla – spacolla@uol.com.br– (11) 99686-4157

Créditos: Gabrielle Monice

Anúncios

Exposição “Mobile Photo Festival 2019” no MIS

Prêmio é considerado o maior festival latino-americano de mobgrafia. Foto: Jorge Almeida

Com cerca de 60 registros, o Museu da Imagem e do Som (MIS) promove a exposição “Mobile Photo Festival 2019” até o próximo domingo, 18 de agosto, que traz o resultado da sexta edição do maior festival da América Latina de mobgrafia (fotografia com celular). Ao todo, são sete categorias – Retrato, P&B, Paisagem, Arte Digital, Street, TBT, Documental e Ensaio.

A mostra com as fotos dos vencedores ficará no museu durante 45 dias. Além disso, o vencedor de cada categoria ganhará livros de Arte da Editora GGili, patrocinadora do evento.

O prêmio permite uma viagem pelo mundo por meio dos registros de smartphones produzidas por pessoas das mais variadas profissões, pois é uma das principais características da mobgrafia: ser democrática e inclusiva, pois permite a participação de qualquer pessoa, seja para se manifestar de forma artística ou documental.

A mobgrafia é hoje a melhor manteira de você contar as suas histórias e poder compartilhá-las com o mundo na hora em que elas acontecem.

SERVIÇO:
Exposição: Mobile Photo Festival 2019
Onde: Museu da Imagem e do Som (MIS) – Avenida Europa, 158 – Jardim Europa
Quando: até 18/08/2019; de terça a sábado, das 10h às 20h; domingos e feriados, das 10h às 19h
Quanto: entrada gratuita (espaço expositivo- 2º andar)

Por Jorge Almeida

Exposição “Instante – Miguel Costa Jr.” no Museu da Imagem e do Som (MIS)

Um dos registros de Miguel Costa Jr. em exibição no MIS. Créditos: divulgação

O Museu da Imagem e do Som (MIS) realiza até o próximo domingo, 18 de agosto, a exposição “Instante – Miguel Costa Jr.”, que reúne 14 imagens do renomado fotógrafo Miguel Costa Jr., ícone da fotografia do automobilismo esportivo.

Convidado a realizar um ensaio fotográfico com um smartphone, Miguel saiu às ruas de São Paulo para fazer registros sobre o tema mobilidade, assunto que está na moda em megalópoles como a capital paulista. Uma vez que o tema é abordado constantemente na mídia, no ambiente de trabalho, nas redes sociais, nos órgãos de governo e por aí vai.

Sem o seu arsenal fotográfico e com uma ideia na cabeça, o fotógrafo saiu de sua zona de conforto e com um celular à mão registrou cenas inusitadas e desenhos incríveis. No entanto, não deixou de lado a marca característica de sua profissão: a foto em movimento.

Segundo o curador da mostra, Ricardo Rojas, o fotógrafo é “um artista, um profissional, um apaixonado pelo que faz, esse é Miguel Costa Jr., que aceitou o desafio de sair da sua zona de conforto e assumiu essa nova ferramenta, o celular, como a extensão do seu talento, transformando o instante do cotidiano de uma metrópole como São Paulo em cenas inusitadas e desenhos surpreendentes”.

Assim se formou essa mostra, com um trabalho espetacular e desafiador, onde o talento, o olhar e a sensibilidade prevalecem.

SERVIÇO:
Exposição: Instante – Miguel Costa Jr.
Onde: Museu da Imagem e do Som (MIS) – Avenida Europa, 158 – Jardim Europa
Quando: até 18/08/2019; de terça a sábado, das 10h às 20h; domingos e feriados, das 10h às 19h
Quanto: entrada gratuita (espaço expositivo- 1º andar)

Por Jorge Almeida

Exposição de esculturas é atração na APM

As obras de Mario Nunes Miranda ficarão expostas até setembro

As esculturas mais marcantes da carreira de Mario Nunes Miranda estarão abertas à visitação na Associação Paulista de Medicina (APM) de 23 de agosto a 20 de setembro para compor a exposição “A Arte de Esculpir na Madeira”, que acontecerá no Espaço Multifuncional da APM, com entrada franca.

O artista homenageado exerceu diversos papéis ao longo da vida. Foi médico, proprietário rural e vereador. Também revelou ser um grande artista autodidata através das esculturas com inúmeros trabalhos desde móveis a miniaturas de madeira. A atividade médica sempre esteve presente, utilizando o bisturi para salvar vidas e esculpir.

O objetivo da mostra é proporcionar atividades que contemplem a educação e a cultura, peças fundamentais para o desenvolvimento do Brasil. Por ser uma entidade de utilidade pública, a APM se dedica a essa missão.

As obras selecionadas estarão expostas em cinco painéis e três vitrines. A expectativa é receber a visita do público em geral, além dos médicos associados e familiares, artistas plásticos, profissionais das artes e instituições culturais.

Currículo

Mario Nunes Miranda nasceu em Avaí, SP, em 27 de abril de 1925, filho de Marcolino Luís Miranda e de Hercília Nunes Miranda, sendo o mais novo dos quatro filhos do casal.

Formou-se em Medicina na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, em 1951. Mudou-se para Garça em 1954. Nos últimos anos exerceu a função de Médico da Família.

Em 2001, foi homenageado pelo Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Casou-se em 1956 com Maria Lúcia, teve seis filhos, onze netos e sete bisnetos. Mario Nunes Miranda foi também proprietário rural, exerceu dois mandatos como vereador, participou da SAGA-Sociedade Amigos de Garça e do Rotary Club de Garça. Faleceu em Garça, em 13 de março de 2012.

Agende-se
Abertura: 23 de agosto de 2019 (sexta-feira), das 17h às 20h
Visitação: até 20 de setembro de 2019, de segunda a sexta-feira, das 10h às 19h
Local: Av. Brigadeiro Luís Antônio, 278 – Espaço Multifuncional (térreo)
Bela Vista – São Paulo/SP – Entrada franca
Estacionamento conveniado: 
Rua Francisca Miquelina, 67 – Bela Vista (com desconto e acesso ao prédio).

Acontece Comunicação e Notícias
Chico Damaso – Milena Alvarez – Joyce Cardoso
(11) 3871-2331 / 3873-6083 / 99911-8117
acontece@acontecenoticias.com.br

Créditos: Acontece Comunicação e Notícias

Centro Comercial Aricanduva recebe exposição de carros antigos luxuosos

Alguns modelos de carros antigos luxuosos que estão na exposição. Créditos: divulgação

A visitação é gratuita e ocorre até o dia 29 de agosto

Para quem busca uma atividade para fazer com toda a família, a “Exposição de Carros Antigos Luxuosos”, no Centro Comercial Aricanduva, é uma excelente opção para o mês de agosto. A atração destaca veículos da empresa CW Class, que oferece serviço de condução de luxo para cerimônias matrimoniais e produções audiovisuais televisivas. A exposição é gratuita e ocorre entre 05 e 29 de agosto, das 10h às 22h.

Serão expostos veículos clássicos importados e nacionais como: Chevrolet Deluxe 1954, Chevrolet Sport Sedan 1948, Chevrolet Ramona Coversível, Fleet Master 1948, Simca 1962, entre outros, todos com placas pretas.

Os veículos estarão em exposição em diversas localidades do maior centro de compras e entretenimento da América Latina. A ação tem o objetivo de reunir as gerações de apaixonados por carros antigos, desde adultos a crianças, a partir das belezas e particularidades que só os veículos clássicos possuem.

Para mais informações, acesse o site https://www.aricanduva.com.br/ e acompanhe as novidades nas redes sociais.

Serviço
Centro Comercial Aricanduva – Exposição de carros antigos luxuosos
Data: 05 a 29 de Agosto.
Endereço: Av. Aricanduva, 5555, Vila Matilde – SP.
Horário de funcionamento: diariamente, das 10h às 22h.
Estacionamento gratuito.

Sobre o Centro Comercial Aricanduva
O maior Shopping da América Latina está no primeiro lugar na preferência dos consumidores da Zona Leste de São Paulo, recebendo 4,5 milhões de pessoas ao mês. Com estacionamento gratuito, é formado pelo Shopping Aricanduva, Interlar Aricanduva, voltado para o segmento moveleiro, e Auto Shopping Aricanduva, especializado em automóveis, motos, acessórios e serviços. O complexo, com 1 milhão de m², possui 545 lojas, 15 concessionárias completas de veículos e motos, 13 salas de cinema, três praças de alimentação, três hipermercados, dois home centers, 1 academia, área completa de lazer e a unidade leste do Detran, do Hospital Cema e do laboratório Lavoisier Medicina Diagnóstica. Para mais informações, acesse: http://www.aricanduva.com.br.

http://twitter.com/#!/aricanduva
https://www.facebook.com/aricanduva
https://www.instagram.com/shoppingaricanduva
https://www.youtube.com/user/shoppingaricanduva

Créditos: Victor Tavares | Press à Porter

Exposição “Ainda Há Noite (Nos Queda La Noche)” no Itaú Cultural

O trabalho de Yael Martínez no Itaú Cultural. Créditos: divulgação

O Itaú Cultural promove até o próximo domingo, 11 de agosto, a exposição “Ainda Há Noite (Nos Queda La Noche)”, que reúne cerca de 200 registros que recorrem às hras noturnas com obras produzidas por dez artistas e duplas de oito países da América Latina, além de Espanha e Reino Unido.

A mostra, que tem a curadora de Claudi Carreras e Iatã Cannabrava, faz parte da 5ª edição do Fórum Latino Americano de Fotografia, realizada a cada três anos pelo Itaú Cultural, que apresenta vasta programação de palestras e debates sobre o suporte.
Indagando o conceito de que o dia faz as coisas mais claras, enquanto a noite recobre como um véu, a exposição propões que exista aspectos das afinidades e dos fatos da América Latina que só são revelados ou vistos com preciosidade nos momentos em que a luz natural se ausenta. Assuntos como violência, as marcas dos processos de colonização e os atuais movimentos de negação dos conhecimentos histórico e científico são abordados na mostra.

Em meio aos destaques estão “Lucérnaga” (foto), de Yael Martínez; “História Natural do Silêncio” (2019), de Jorge Panchoaga; e “Purgatório” (2014-2017), de Ignacio Iturrioz.

Vale destacar que a exposição contém videoguia em LIBRAS e audiodescrição com relação às obras.

SERVIÇO:
Exposição: Ainda Há Noite (Nos Queda La Noche)
Onde: Itaú Cultural – Avenida Paulista, 149 – Cerqueira César
Quando: até 11/08/2019; de terça a sexta, das 9h às 20h; sábados e domingos, das 11h às 20h
Quanto: entrada gratuita

Por Jorge Almeida

Exposição “FILE São Paulo 2019” no Centro Cultural FIESP

A obra interativa “A Sense Of Gravity” no Centro Cultural FIESP. Foto: Jorge Almeida

O Centro Cultural FIESP realiza até o próximo domingo o “FILE São Paulo 2019”, o Festival Internacional de Linguagem Eletrônica, que completa 20 anos em 2019 e reúne cerca de 250 obras que reúne arte e tecnologia. A novidade da atual edição é a homenagem aos 500 de Leonardo da Vinci e 100 anos da Escola de Bauhaus, criada na Alemanha.

Ao longo dessas duas décadas do festival, sendo 15 deles no Centro Cultural da FIESP, mais de oito mil artistas apresentaram obras de arte interativa, videoarte, robótica, animações de arte, gifs, inteligência artificial, performances, LED show, e outras técnicas. Além da capital paulista, o FILE passou por sete cidades (Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Vitória, Brasília, Curitiba, Porto Alegre e São Luís) e foi visto por mais de um milhão de pessoas.

Evidentemente que a edição 2019 do FILE não poderia deixar de ter interatividade, que é marca do evento. E a interação se faz presente em obras como “Into The Wind”, do tailandês Witaya Junma, composta por uma imensa caixa em que o sopro se transforma em bolhas de sabão. E também “Scope”, da norte-americana Kristin McWarther, que pode ser apreciada em dupla, uma vez que é feita por um móvel de madeira que conecta dois óculos e fones de ouvido de realidade virtual. Os movimentos de um influencia o que o outro vê e vice-versa. Além de “A Sense Of Gravity” (foto), instalação que possibilita a alteração da percepção da gravidade.

Quanto aos homenageados, o mestre do Renascimento é lembrado através da videoinstalação “The Last Supper Alive”, obra em que o compatriota de Da Vinci, Rino Tagliaferro, faz movimento das figuras da “Última Ceia” com uma técnica que mistura softwares de imagem com a da célebre obra de Leonardo, como uma espécie de restauro na clássica obra.

Já o tributo a Bauhaus se dá pelo coletivo alemão Interactive Media Foudation & Artificial Rome através da obra “Das Total Tanz Theater”, que refaz os experimentos do movimento artístico surgidos com a Bauhaus em um espetáculo que envolve o visitante na performance.

SERVIÇO:
Exposição: FILE 2019
Onde: Centro Cultural FIESP – Avenida Paulista, 1313 – Cerqueira César
Quando: até 11/08/2019; de terça-feira a sábado, das 10h às 22h, domingos, das 10h às 20h
Quanto: entrada gratuita

Por Jorge Almeida