Exposição “ícones de Hollywood – Fotografias da Fundação John Kobal” no Espaço Cultural Porto Seguro

Greta Garbo e John Gilbert em ação no filme “O Demônio e a Carne” (1926). Foto: Betran “Buddy” Longworth

O Espaço Cultural Porto Seguro apresenta até o próximo domingo, 16 de abril, a mostra “Ícones de Hollywwod – Fotografias da Fundação John Kobal”, que traz cerca de 200 registros de 40 fotógrafos captadas entre as décadas de 1920 a 1960, que atuaram nos bastidores das produções cinematográficas de Hollywood.

As imagens são pertencentes à coleção Kobal, do escritor austríaco e historiador de cinema John Kobal (1940-1991) e traz imagens dos maiores nomes do cinema, a começar pelos icônicos atores do cinema mudo, como Charlie Chaplin e Mary Pickford, seguindo com performers do início do cinema falado, como Cary Grant e Marlene Drietrich, e termina com os lendários do pós-guerra, como a tríade composta por Marlon Brando, Sophia Loren e Marcello Mastroianni.

No começo dos anos 1920, a indústria do cinema se aglomerou em Los Angeles e arredores. Apesar de que grandes filmes continuassem a serem produzidos em Estocolmo e Tóquio, mas nada comparado à enorme produção e à eficácia dos estúdios hollywoodianos. Dessa forma, atores, diretores e técnicos se mudaram para a Califórnia à procura de fama e fortuna, ou os dois. Nomes como o da sueca Greta Garbo, do alemão Dietrich, do austríaco Hedy Lamarr e dos britânicos Chaplin e Grant tiveram suas carreiras catapultadas internacionalmente graças a Hollywood.

A exposição traz autores de retratos e imagens de cena tardiamente reconhecidos, que trabalharam silenciosamente nos bastidores, mas cujos retratos foram primordiais para o surgimento de estrelas e a promoção de filmes.

Para exibi-la no espaço, foi-se criado um set de filmagem para recriar um mundo cenográfico dentro do pavilhão expositivo. Além das fotografias, a mostra apresenta também trechos de filmes e trailers, como “O General” (1926), “… E o Vento Levou” (1939), “Gilda” (1946), “Rebelde Sem Causa” (1955), “Cleópatra” (1963), entre outros e que, de certa forma, estão representados nas imagens estáticas.

A exposição exibe imagens de nomes como John Engstead, que fez o retrato de Elizabeth Taylor, em 1951, para a Paramount Pictures; Betran “Buddy” Longworth, responsável  por captar Greta Garbo e John Gilbert em “O Demônio e a Carne” (1926); Eugene Robert Rishee, que clicou Gene Kelly, em 1952, no clássico “Cantando na Chuva”; e a única fotógrafa representada na mostra, Ruth Harriet Louise, que teve uma carreira importante em Hollywood com trabalhos com Joan Crawford e Greta Garbo.

E complementa a mostra duas vitrines com 14 itens de memorabilia de John Kobal, de 1980 a 1986.

SERVIÇO:
Exposição: Ícones de Hollywood – Fotografias da Fundação John Kobal
Onde: Espaço Cultural Porto Seguro – Alameda Barão de Paranapiacaba, 610 – Campos Elíseos
Quando: até 16/04/2017; de terça a sábado, das 10h às 19h; domingos e feriados, das 10h às 17h (entrada até 30 min antes do horário de encerramento)
Quanto: entrada gratuita. Há vans gratuitas que transportam os visitantes até a Estação da Luz

Por Jorge Almeida

Exposição “Paisagens Gráficas” no Espaço Cultural Porto Seguro

Obra "Sem Título" (2013), de Fernando Vilela, em exibição no Espaço Cultural Porto Seguro. Foto: Jorge Almeida
Obra “Sem Título” (2013), de Fernando Vilela, em exibição no Espaço Cultural Porto Seguro. Foto: Jorge Almeida

Com aproximadamente 30 obras, a exposição “Paisagens Gráficas” está em exibição no Espaço Cultural Porto Seguro até o próximo domingo, 4 de dezembro, e exibe a produção conjunta em diferentes linguagens da dupla Stela Barbieri e Fernando Vilela.

Com desenhos, pinturas, gravuras, fotografias, livro de artista e colagens, a exposição mostra diálogos, contrapontos e confrontos dos trabalhos dos dois artistas após a convivência em um ateliê compartilhado.

Stela, com vermelhos e laranjas, cria paisagens e lugares para ser habitados e convida as pessoas a transitarem entre obras-oficinas construídas por maquetes, tablados e afins para realizarem seus próprios experimentos.

Já Fernando tem a cidade como principal assunto por ser atraído pelas estruturas arquitetônicas, paredes de prédios, pontilhões e outros elementos da malha urbana. Ele mistura gravura, fotografia e pintura.

Entre as obras, o público pode conferir, por exemplo, a série fotográfica “Nova York” (2013) e a obra feita com xilogravura e óleo sobre linho “sem título” (foto), ambas de Fernando Vilela; e o conjunto de obras, também “sem título”, concebidas em nanquim sobre papel de Stela Barbieri.

SERVIÇO:
Exposição:
Paisagens Gráficas
Onde: Espaço Cultural Porto Seguro – Alameda Barão de Piracicaba, 610 – Campos Elíseos
Quando: até 04/12/2016; de terça a sábado, das 10h às 19h; domingos, das 10h às 17h
Quanto: entrada gratuita. Vans gratuitas fazem o transporte de ida e volta da Estação da Luz (na saída Praça da Luz; Rua José Paulino) às dependências do espaço cultural

Por Jorge Almeida

Exposição “Frida Kahlo – Suas Fotos | Olhares sobre o México” no Espaço Cultural Porto Seguro

Frida Kahlo fotografada por Lola Alvares Bravo (1907-1993) por volta de 1944. Créditos: divulgação
Frida Kahlo fotografada por Lola Alvares Bravo (1907-1993) por volta de 1944. Créditos: divulgação

O Espaço Cultural Porto Seguro apresenta até o próximo domingo, 20 de novembro, a mostra “Frida – Kahlo – Suas Fotos | Olhares sobre o México”, que apresenta 25 retratos realizados por autores de destaque da história da fotografia e amigos pessoais de Frida Kahlo, como Guillermo Kahlo, Man Ray, Martin Munkácsi, Edward Weston, Brassaï, Tina Modotti, Pierre Verger e Manuel Álvarez Bravo.

Em meio às imagens, sobressaem as fotografias de Tina Modotti e de Edward Weston do período revolucionário, algumas das mais valiosas desta coleção, além de quatro fotografias tiradas e assinadas por Frida Kahlo e duas não assinadas, mas cuja autoria pode ser atribuída à pintora. A expografia tem referência à Casa Azul, onde hoje funciona o Museu Frida Kahlo, no México.

O conjunto composto por 25 imagens e um documentário de 26’50” de duração e fazem parte da parceria feita com o MIS e, devido a isso, elas pertencem a uma seção intitulada “Fotografia” (leia mais no post sobre a mostra no MIS).

Originalmente pensada para um espaço único, no Brasil a exposição do Museu Frida Kahlo ganhará uma montagem diferente de suas exibições anteriores. Embora com o mesmo conteúdo, o acervo será dividido entre os dois espaços culturais: “Frida Kahlo – Suas Fotos” está em exposição no MIS, enquanto “Frida Kahlo – Suas Fotos | Olhares sobre o México” poderá ser vista no Espaço Cultural Porto Seguro. Para integração entre as instituições, os visitantes poderão utilizar o serviço gratuito de uma van, que transportará o público de um espaço cultural para o outro. As mostras são complementares e o ingresso adquirido no MIS ou no Espaço Cultural Porto Seguro dá acesso livre a ambas exposições; basta o visitante apresentar o bilhete na entrada.

SERVIÇO:
Exposição: Frida Kahlo – Suas Fotos | Olhares sobre o México
Onde: Espaço Cultural Porto Seguro – Alameda Barão de Paranapiacaba, 610 – Campos Elíseos
Quando: até 20/11/2016; de terça a sábado, das 10h às 19h; domingos, das 10h às 17h
Quanto: R$ 3,00; entrada gratuita às terças-feiras; ingressos podem ser adquiridos no site: www.ingressorapido.com.br

Por Jorge Almeida

Exposição “Prêmio Brasil Fotografia de 2015” no Espaço Cultural Porto Seguro

 

O Espaço Cultural Porto Seguro promove até o próximo domingo, 14 de agosto, a mostra “Prêmio Brasil Fotografia de 2015”, que apresenta 83 fotografias de 15 artistas selecionados para a 14ª edição, entre eles o vencedor do Prêmio Fotografia Especial, o fotógrafo carioca Evandro Teixeira. Além das obras em fotografias, a exposição traz também seis instalações miltimeios.

O prêmio é destinado a fotógrafos brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil e teve as participações de Cristiano Mascaro, Ana Beluzzo, Ronaldo Entler e Lucia Py como jurados e sob a curadoria geral de Cildo Oliveira.

A ação curatorial indica a apresentação de ensaios, séries fotográficas e projetos que preparem uma reflexão na qual a fotografia, independentemente de temas pré-estabelecidos, mostre a variedade de enfoques possíveis, como um espelho da história social e estética do olhar hoje.

No total, foram 1.500 inscritos e 796 participantes das regiões Sul, Sudeste, Norte e Nordeste foram habilitados para participar nas categorias: Ensaio Impresso, Ensaio Multimeios, Bolsa e Revelação.

Ao longo dos 14 anos de existência do Prêmio Brasil De Fotografia, mais de 200 fotógrafos foram agraciados com a honraria, entre eles: Miguel Rio Branco, Rosangela Rennó, J. R. Ripper, Claudio Edinger, Thomaz Farkas, Boris Kossoy, Claudia Andujar. Já se inscreveram, desde 2001, mais de 50 mil pessoas.

E, desde 2001, já se inscreveram mais de 50 mil pessoas.

Entre os destaques estão “Alemanha x Argentina, final da Copa do Mundo” (2014), que mostra o contraste entre a frustração de Messi e a alegria dos alemães; “Morte de Traficante, Vila do João, RJ” (1998) “Papa Francisco – Catedral Metropolitana (RJ)” (foto), todas de Evandro Teixeira; “Com que sonham os peixes?”, série de 12 fotografias de Marlos Bakker; “Galáxia Imaginativa”, obra interativa de Thelma Vilas Boas; e “Crentes e Pregadores”, série composta por 12 imagens de Barbara Wagner.

SERVIÇO:
Exposição: Prêmio Brasil de Fotografia de 2015
Onde: Espaço Cultural Porto Seguro – Alameda Barão de Piracicaba, 610 – Campos Elíseos
Quando: até 14/08/2016; de terça a sábado, das 10h às 19h; domingos, das 10h às 17h
Quanto: entrada gratuita, com vans gratuitas que fazem o transporte de ida e volta da Estação da Luz (na saída Praça da Luz; Rua José Paulino) às dependências do espaço cultural. O local conta com estacionamento pago

Por Jorge Almeida

Exposição “Grandes Mestres – Michelangelo, Leonardo e Rafael” no Espaço Cultural Porto Seguro

Escultura que reproduz a clássica "Pietà", de Michelangelo, no Espaço Cultural Porto Seguro. Foto: Jorge Almeida
Escultura que reproduz a clássica “Pietà”, de Michelangelo, no Espaço Cultural Porto Seguro. Foto: Jorge Almeida

O Espaço Cultural Porto Seguro realiza até o próximo domingo, 4 de abril, a mostra “Grandes Mestres – Michelangelo, Leonardo e Rafael”, que apresenta reproduções e réplicas das principais criações dos três mestres renascentistas italianos, permitindo ao visitante vivenciar os processos de produção dos citados artistas.

Criada e desenvolvida em Gotemburgo (Suécia) e passado por Istambul (Turquia), a exposição, concebida por Alessandro Vezzosi (especialista em da Vinci) e Francisco Buranelli (especialista em Michelangelo) e produzida pelo sueco Mats Rönngard, a exposição chega a capital paulista para inaugurar o novo espaço cultural da Porto Seguro.

Evidentemente que a mostra apresenta réplicas e reproduções de obras que não têm como circular por conta de suas grandes dimensões e por serem parte arquitetônicas dos edifícios que a abrigam, entre elas a famosa “A Última Ceia” (de Da Vinci), a Capela Sistina, de Michelangelo, e “A Escola de Atenas” e a “Basílica de São Pedro”, de Rafael, por exemplo, além das reproduções das esculturas “Pietà” e “Davi”, de Michelangelo, considerada uma das mais importantes do Renascimento.

Em “Grandes Mestres…”, o público pode conferir também réplicas das invenções de Leonardo da Vinci: modelos construídos a partir dos desenhos originais de pontes, máquinas de guerra, miniaturas de invenções como o encouraçado, hodômetro, a prensa de imprensa, carro blindado, arco gigante (besta), o ornitóptero, paraquedas, entre outras invenções e, claro, uma representação de Mona Lisa (que conta com o auxílio de duas telas touch screen que permite ao visitante ver em detalhes a famosa pintura). Ainda há cerca de 40 ilustrações dos estudos anatômicos de Leonardo da Vinci, assim como o conceito do “Homem Vitruviano”, reproduzida graficamente por da Vinci no Renascimento.

Um dos destaques é a produção do tamanho real da escultura “Davi”, de Michelangelo, feita em mármore e com cinco metros de altura, e da já citada “Pietà” (foto). E também um vídeo que reproduz o carregamento de mármore.

SERVIÇO:
Exposição: Grandes Mestres – Michelangelo, Leonardo e Rafael
Onde: Espaço Cultural Porto Seguro – Alameda Barão de Piracicaba, 610 – Campos Elíseos
Quando: até 04/04/2016; de terça a sábado, das 10h às 19h; domingo, das 10h às 17h
Quanto: entrada gratuita. Há vans que fazem o transporte gratuito de ida e volta até a Estação da Luz (Praça da Luz)

Por Jorge Almeida

Exposição “Prêmio Brasil Fotografia 2014” no Espaço Cultural Porto Seguro

O Espaço Cultural Porto Seguro apresenta até o próximo dia 3 de maio a mostra “Prêmio Brasil de Fotografia 2014”, que exibe cerca de 40 fotografias dos vencedores do prêmio nas seguintes categorias: Prêmio Aquisição / Prêmio Brasil Fotografia Especial, Prêmio Brasil Fotografia Ensaio e Prêmio Fotografia Bolsa de Desenvolvimento de Projeto.

A exposição de fotografia brasileira contemporânea propõe aos artistas contemplados ensaios e pesquisas que fazem refletir sobre a realidade, exemplos de beleza, a reverência ao outro, a relação com a natureza e a memória, em manifestações inspiradoras de diferentes características.

Os vencedores que participam da mostra são: JR Ripper, Sonia Guggisberg, Gilvan Ribeiro, Vinícius Assencio, Paulo Almozara e Marcos Muniz.

Em meio aos destaques estão a vídeo-instalação “Samaria” (2013), de Sonia Guggisberg, e “Crianças de Palheiro 3 – comunidade rural em Upanema (RN)”, de 2008, de JR Ripper.

SERVIÇO:
Exposição: Prêmio Brasil Fotografia 2014
Onde: Espaço Cultural Porto Seguro – Avenida Rio Branco, 1489 – Campos Elíseos
Quando: até 03/05/2015; de terça a sexta-feira, das 10h às 19h; sábados e domingos, das 10h às 17h
Quanto: entrada gratuita

Por Jorge Almeida

Exposição “Heróis Urbanos” no Espaço Cultural Porto Seguro

Iron Man fazendo pose diante da Ponte Estaiada em São Paulo em exposição no Espaço Cultural Porto Seguro
Iron Man fazendo pose diante da Ponte Estaiada em São Paulo em exposição no Espaço Cultural Porto Seguro

O Espaço Cultural Porto Seguro realiza a exposição “Heróis Urbanos” até o dia 28 de julho de 2013. A mostra exibe uma série de 27 imagens de super-heróis dos quadrinhos, como Wolverine, Mulher-Maravilha, Homem-Aranha, Batman, além de alguns vilões, como a Mulher Gato e Coringa, em pontos turísticos da cidade de São Paulo. As fotografias foram realizadas por Katia Arantes.

Além das fotografias dos personagens, há também imagens do “making-off”, um vídeo com os bastidores e bonecos utilizados na produção da série de imagens, como Batman, Thor, Super-Homem e Flash.

O truque da fotógrafa foi a utilização de uma lente grande e angular e, por meio da perspectiva, Katia trabalhou a percepção das dimensões, da distância, do espaço e da profundidade. Por isso, temos a impressão de que os super-heróis têm tamanhos de pessoas adultas quando, na verdade, todos são bonecos com cerca de 50 ou 60 centímetros.

Vale lembrar que os bonecos foram colocados em diversos pontos da cidade de São Paulo e fotografados sem qualquer fusão de imagem.

Na mostra, por exemplo, o visitante pode ver o Batman na Avenida Paulista, a Mulher Gato no Viaduto do Chá, o Coringa na Cinemateca Brasileira ou ainda a Mulher Invisível na Oca do Ibirapuera.

SERVIÇO:
Exposição: Heróis Urbanos
Onde: Espaço Cultural Porto Seguro – Avenida Rio Branco, 1489 – Campos Elíseos
Quando: até 28/07/2013; de terça a domingo, das 10h às 17h
Quanto: entrada gratuita

Por Jorge Almeida