Paris Saint-Germain: campeão da Supercopa da França 2017

O Paris Saint-Germain conquistou a sua sétima Supercopa da França, sendo a quinta consecutiva

De virada, o Paris Saint-Germain derrotou o Monaco por 2 a 1 neste sábado (29) e conquistou a Supercopa da França 2017, no Grand Stade de Tânger, em Tânger, no Marrocos. Os gols da partida foram marcados por Sidibé para a equipe do Principado, enquanto o estreante Daniel Alves e Rabiot fizeram os tentos para o PSG. O clube parisiense conquistou a competição pela sétima vez em sua história, sendo a quinta de forma consecutiva.

Com menos de um minuto de jogo, o Monaco deu a primeira finalização ao gol. Verratti vacilou e Lemar pegou de primeira para mandar por cima do travessão. Aos 4, a equipe alvirrubra chegou até a balançar as redes. Lemar tocou para Mbappé, que bateu no canto de Areola, mas o camisa 10 estavam em impedimento.

O PSG respondeu no lance seguinte. Kurzawa tocou de calcanhar para Rabiot, que cruzou da esquerda para Dani Alves chutar de primeira no meio da área, Subašić defendeu parcialmente, soltou, se recuperou antes da chegada de Cavani e deu um tapa para escanteio.

O time parisiense aproveitou que o fato de ter mais entrosamento do que o rival, que está se reconstruindo e tentou impor seu jogo, mas a partida ficou truncada porque a bola não chegou para Cavani tentar finalizar. Aos 14, o Paris Saint-Germain avançou em um contragolpe, Kurzawa partiu em velocidade pela esquerda e tocou na área para o atacante uruguaio, mas o ex-atleticano Jemerson chegou bem na travada e mandou para escanteio. O Monaco deu o troco no minuto seguinte com Falcao García, que tentou o passe para Mbappé, que avançava livre, mas Verratti cortou e a redonda sobrou para o camisa 9, mas ele pegou de primeira e mandou para longe do gol.

O atual campeão da Copa da França manteve a posse da bola, mas encontrava dificuldades de penetrar na defesa do campeão francês, que tentava encaixar um contra-ataque, o que aconteceu com eficiência aos 29 minutos. Tielemans deu um belo lançamento para Sidibé, que apareceu nas costas da defesa parisiense e deu um leve toque por cobertura na saída de Areola para fazer 1 a 0 para a equipe do Principado.

Depois do gol sofrido, o PSG tentou reagir logo e foi para cima. Primeiro tentou com Cavani através de uma cobrança de falta aos 36, mas a bola foi por cima. Assim, ficou sujeito a tomar os contragolpes do Monaco, que até tentou, mas Sidibé foi flagrado em impedimento após passe de Mbappé, aos 38. Quatro minutos depois, Dani Alves cobrou falta para a área, o goleiro Subašić se enrolou com Glik, a bola quase sobrou para Marquinhos, mas a redonda bateu no peito do camisa 5 e ficou com o arqueiro do Monaco. Dessa forma, a primeira etapa terminou com vitória parcial da equipe do Principado.

Assim como foi na etapa inicial, o Monaco tentou o gol logo no primeiro minuto. Sidibé cruzou da direita, Falcao García apareceu livre na área, mas cabeceou por cima da meta de Areola. Pouco tempo depois, os parisienses chegaram ao empate através do estreante Daniel Alves. Em cobrança de falta de longe, o brasileiro chutou forte, Subašić não conseguiu alcançar a bola e o placar ficou igualado no Grand Stade de Tanger.

O empate motivou o PSG, que partiu para cima e, pouco tempo depois, em um contra-ataque só não fez o segundo gol com Cavani porque o uruguaio foi derrubado por Glik perto da área. Na cobrança da falta, Daniel Alves acertou a barreira.

O Monaco tentou se recuperar do baque e passou a pressionar a saída de bola do rival. Em uma jogada dessa, aos 11, recuperou a bola no ataque, Sidibé cruzou da direita, Thiago Motta cortou, porém, Tielemans, na sobra, mandou de primeira da entrada da área para fora.

Depois da chance da equipe de Leonardo Jardim, o PSG foi para cima e criou três oportunidades seguidas e chegou à virada. Aos 15, Daniel Alves faz o cruzamento da direita, Rabiot se adianta à marcação de Glik, cabeceia, mas manda para fora. Na sequência, Pastore deu uma caneta e tocou para Daniel Alves na direita, o camisa 32 fez um levantamento muito fechado e quase surpreendeu Subašić, que deu um tapa para escanteio. Mas, aos 18, Meunier acionou Daniel Alves na linha de fundo, que fez o cruzamento para Rabiot livre na área para cabecear firme e virar o jogo para o clube da capital francesa, 2 a 1.

Mesmo com a vantagem, o PSG ainda tentou partir para cima do Monaco, que ficou esperando para contra-atacar. Aos 31, os rouge-et-bleus estiveram perto do terceiro, Meunier cruzou na medida para Cavani, mas o polonês Glik fez o corte de cabeça primordial e evitou o terceiro tento do Paris Saint-Germain.

Quatro minutos depois, Lemar cobrou escanteio, Carrillo, que substituiu o apagado Mbappé, cabeceou no canto, Areola fez grande defesa, no rebote, Saint-Maximin (substituto de Sidibé) tentou a finalização, mas foi travado no momento certo por Thiago Silva, que mandou a esférica para escanteio. Os rouge-et-blanc insistiram para buscar o empate. Aos 42, Lemar cruzou rasteiro, Marquinhos cortou, a bola voltou para o camisa 27, que dessa vez tentou pelo alto, mas Falcao García cabeceou para fora.

O Paris Saint-Germain seguiu a administrar o jogo e, aos 47, quase deu o tiro de misericórdia com Nkunku, que entrou no lugar de Verratti, que recebeu na esquerda, cortou a marcação para tentar um chute colocado, mas a redonda passou raspando. Foi a última finalização do jogo, que terminou com vitória do Paris Saint-Germain, de virada, por 2 a 1.

Pela segunda vez na história, a Supercopa da França foi decidida no Marrocos. A primeira aconteceu em 2011, quando o Olympique de Marseille bateu o Lille por incríveis 5 a 4. E nessa atual edição, um confronto inédito: o campeão francês Monaco contra o campeão da Copa da França, o PSG. O time de Paris entrou com um ligeiro favoritismo por conta de ter um melhor entrosamento que o adversário, que perdeu peças importantes do time base que levou o campeonato nacional na temporada passada. Além disso, o técnico Unai Emery tinha a seu favor um triunfo chamado Dani Alves, que fez um belo gol em sua estreia na equipe da Cidade-luz. No entanto, não foi uma tarefa fácil. O Monaco tinha uma proposta bem definida de jogo: contra-ataque. Isso deu certo no primeiro tempo, quando a equipe do Principado de Mônaco fez 1 a 0 com Sidibé. Mas o empate dos parisienses no começo da etapa final foi motivador para a busca da virada, que veio através de Rabiot, após cruzamento perfeito de Daniel Alves, que atuou em uma nova função, praticamente um ponta direita. Dessa maneira, a temporada 2017-2018 do futebol francês começou bem para o PSG, que ainda poderá ter um grande reforço para as disputas das competições que virão pela frente: Neymar.

Com o título, o Paris Saint-Germain conquistou a sua sétima Supercopa da França, a quinta de forma consecutiva, e fica apenas a um troféu do Lyon, o maior vencedor do torneio, com oito taças.

A seguir, a ficha técnica da final.

FICHA TÉCNICA: MONACO 1×2 PARIS SAINT-GERMAIN
Competição/fase: Supercopa da França 2017 – final (jogo único)
Local: Grand Stade de Tanger, Tânger, Marrocos
Data: 29 de julho de 2017, sábado – 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Noureddine el Jaafari (Marrocos)
Auxiliares: Hicham Ait Abbou e Lahcen Azgadu, ambos do Marrocos
Cartões Amarelos: Sidibé, Glik e Fabinho (Monaco); Verratti (Paris SG)
Gols: Sidibé, aos 30 min do 1º tempo (1-0); Dani Alves, aos 6 min do 2º tempo (1-1); e Rabiot, aos 18 min do 2º tempo (1-2)
MONACO: 1.Subašić; 38.Traoré, 25.Glik, 5.Jemerson e 4.Kongolo (20.Rony Lopes); 17.Tielemans, 2.Fabinho, 19.Sidibé (12.Saint-Maximin) e 27.Lemar; 9.Falcao García e 10.Mbappé (11.Carrillo). Técnico: Leonardo Jardim
PARIS SAINT-GERMAIN: 16.Areola; 12.Meunier, 5.Marquinhos, 2.Thiago Silva e 20.Kurzawa; 8.Thiago Motta (14.Matuidi), 6.Verratti (24.Nkunku) e 25.Rabiot; 32.Dani Alves, 10.Pastore (15.Gonzalo Guedes) e 9.Cavani. Técnico: Unai Emery

Parabéns ao Paris Saint-Germain Football Club.

Por Jorge Almeida

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s