Exposição instigante do fotógrafo Feco Hamburger será inaugurada em 20 de outubro na Janaina Torres Galeria

Com curadoria de Diógenes Moura, Quando percebi era uma aurora traz uma viagem visual contemporânea e consistente, numa galáxia de referências que vão da música de David Bowie às paisagens românticas de Caspar David Friedrich; serão 28 imagens exibidas ao público até o dia 17 de dezembro

São Paulo, outubro de 2016 – O mais novo espaço de arte de São Paulo vai abrir as portas ao público com o pé direito. A exposição escolhida para inaugurar a Janaina Torres Galeria no dia 20 de outubro será uma mostra do fotógrafo Feco Hamburger, um dos mais inventivos e consistentes artistas de sua geração, com curadoria de Diógenes Moura. A escolha de Feco para abrir os trabalhos da galeria foi uma decisão natural para Janaina Torres. “Feco reúne duas qualidades que considero imprescindíveis para um artista: inquietude e consistência. Seu trabalho é articulado com várias áreas do conhecimento, como a Física e a Linguística, e compõe, em seu conjunto, uma narrativa instigante e muito atraente. Ao mesmo tempo, cada peça possui uma força imagética própria. Feco também tem sido um grande parceiro de trabalho”, conta.

Intitulada Quando percebi era uma aurora – Fotografias de Feco Hamburger, a exposição vai apresentar uma seleção de 28 fotografias impressas em jato de tinta sobre papel de algodão e produzidas a partir de diversos dispositivos e técnicas fotográficas, como scanner, sensores digitais e filmes analógicos. As imagens finais se assemelham a paisagens que transitam entre o onírico e o documental, com referências que vão de Major Tom, personagem da canção Space Oddity de David Bowie (1947-2016), aos cenários invernais do ícone da pintura romântica alemã Caspar David Friedrich (1774-1840).

O espectador é convidado a subir a bordo dessa delicada viagem visual e a contemplar pedra, água, ar, estrelas, brumas, luzes e sombras. O nome da mostra reflete momentos coincidentes vividos pelo artista Feco Hamburger e pela galerista Janaina Torres, parceiros profissionais que estão dando simultaneamente um passo à frente no mercado das artes. “Se a aurora é uma transição, um amanhecer, a exposição é o momento do meu trabalho ganhar autonomia e interlocução com o mundo. E eu tenho o contentamento coincidente da exposição inaugurar a Janaina Torres Galeria, uma parceira minha de longa data. Como na obra Major Tom, estamos dando um salto juntos, um voo”, explica Feco.

No dia 20 de outubro, a mostra será aberta com uma visita guiada pelo próprio artista a partir das 18h. Logo após, de 19h às 22h, acontece o coquetel de inauguração da exposição, que segue em cartaz até 17 de dezembro.

Sobre Feco Hamburger

Nasceu em São Paulo, em 1970, onde vive e trabalha. É fotógrafo com crescente trabalho em outras mídias, como vídeo e instalação. Em sua pesquisa, o sentido da experiência e do processo se articulam sobre o tempo e a matéria. Estudou física na Unicamp e Linguistica na USP. Em 2009 fez o curso Leitura de Portfolio, com Agnaldo Farias e Dudi Maia Rosa, no Instituto Tomie Ohtake. Em 2013, participou de grupo de estudos e produção artística sob orientação de Lucia Koch, enquanto faz residência no Atelier Temporário do Pivô (SP). Já expôs na Pinacoteca do Estado de São Paulo, no Museu de Arte Moderna e no Paço Imperial, no Rio de Janeiro. Possui obras no acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo e na Coleção Itaú de Fotografia Brasileira. Em 2012, recebeu menção especial no Prêmio Brasil de Fotografia. Ministra workshops e cursos de fotografia além de fazer a gestão de processos de impressão fotográfica para outros artistas.

Sobre a Janaina Torres Galeria:

Profissional reconhecida no cenário paulista de arte e design, Janaina Torres tem formação em teatro (Escola de Teatro Miriam Muniz e CPT – Centro de Pesquisa Teatral, de Antunes Filho) e artes visuais (Faculdade de Belas Artes), e sólida experiência em design, decoração e arquitetura. A Galeria que leva o nome da profissional está instalada no bairro de Pinheiros e tem projeto arquitetônico arrojado, assinado pelo Estudio Manus. A JTG irá promover mostras de pintura, fotografia, gravura e escultura, além de eventos, bate-papos, experimentos audiovisuais e performances. Todos os trabalhos serão selecionados por ela e uma equipe de curadores independentes. http://www.janainatorres.com e http://www.facebook.com/janainatorresgaleria

SERVIÇO:
Quando percebi era uma aurora – Fotografias de Feco Hamburger
Visita guiada com o artista: 20 de outubro, 18h
Coquetel de abertura: 20 de outubro, 19h às 22h
Visitação: até 17 de dezembro, de segunda a sexta, 10h às 19h e sábados das 11h às 15h.
Local: Janaina Torres Galeria – Rua Joaquim Antunes, 177, sala 11 – Jardins – São Paulo | SP | (11) 2367-9215

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA:
Tales Rocha | Nara Lacerda | Thiago Rebouças | Renata Grubman tales.rocha@agenciagalo.com | nara.lacerda@agenciagalo.com | thiago.reboucas@agenciagalo.com | SP: (11) 3253-3227 | DF: (61) 4063-8770 | RJ: (21) 4063-7021 | BH: (31) 4063 6331

Créditos: Renata Grubman

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s