Exposição “Frida Khalo – Conexões entre Mulheres Surrealistas no México” no Instituto Tomie Ohtake

Frida Khalo: a grande homenageada no Instituto Tomie Ohtake. Foto: Jorge Almeida
Frida Khalo: a grande homenageada no Instituto Tomie Ohtake. Foto: Jorge Almeida

O Instituto Tomie Ohtake promove até o próximo domingo, 10 de janeiro, a exposição “Frida Khalo – Conexões entre Mulheres Surrealistas no México”, que apresenta aproximadamente 100 obras de 16 artistas que estabelecem uma rede intricada de inúmeras personagens ao redor da figura de Frida Khalo (1907-1954).

Em meio a esculturas, pinturas e fotografias, além de documentos, catálogos, registros históricos e reportagens, a exposição propicia confrontar a face desafiadora do surrealismo.

O recorte foca nas artistas mulheres nascidas ou radicadas no México, protagonistas de potentes produções, como Maria Izquierdo, Remedios Varo, Leonora Carrington, Lola Álvarez Bravo, Lucienne Bloch e Kati Horna.

Entre os destaques desta exposição, num caso raro e inédito no Brasil, são 20 telas de Frida, além de 13 obras sobre papel – nove desenhos, duas colagens e duas litografias -, sendo que seis dessas são autorretratos.

SERVIÇO:
Exposição: Frida Khalo – Conexões entre Mulheres Surrealistas no México
Onde: Instituto Tomie Ohtake – Avenida Brigadeiro Faria Lima, 201 (entrada pela Rua Coropés, 88) – Pinheiros
Quando: até 10/01/2016; de terça a domingo, das 11h às 20h
Quanto: R$ 10,00 / R$ 5,00 (meia-entrada)

Por Jorge Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s