Exposição “Joan Miró – A Força da Matéria” no Instituto Tomie Ohtake

"Mulher na Noite" (1973), acrílica sobre tela, de Joan Miró, em exposição no Instituto Tomie Ohtake. Foto: Jorge Almeida
“Mulher na Noite” (1973), acrílica sobre tela, de Joan Miró, em exposição no Instituto Tomie Ohtake. Foto: Jorge Almeida

O Instituto Tomie Ohtake segue com a exposição “Joan Miró – A Força da Matéria” em exibição até o próximo dia 23 de agosto. A mostra reúne cerca de 110 obras – entre pinturas, esculturas, desenhos e gravuras – e objetos do artista catalão Joan Miró (1893-1993), que foram divididos cronologicamente.

A produção de Miró deposita em ponto um jeito categórico quanto discreto na história da arte moderna: a espontaneidade, que emerge principalmente nas pinturas iniciais do artista – datadas na década de 1920.

Nas décadas de 1930 e 1940, o catalão se interessa pela matéria durante a Guerra Civil Espanhola e a II Guerra Mundial. Enquanto isso, nas duas décadas seguintes – anos 1950 e 1960 – passou a trabalhar mais com técnicas variadas e, consequentemente, chegando a produzir esculturas.

E foi a partir de 1970 que foram apresentados os suportes inesperados e as gravuras, que apontam as constantes provocações aos padrões e à técnica.

SERVIÇO:
Exposição: Joan Miró – A Força da Matéria
Onde: Instituto Tomie Ohtake – Avenida Brigadeiro Faria Lima, 201 (entrada pela Rua Coropés, 88) – Pinheiros
Quando: até 23/08/2015; de terça a domingo, das 11h às 20h
Quanto: R$ 10,00; R$ 5,00 (meia-entrada)

Por Jorge Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s