Grand Funk Railroad: 45 anos de “Closer To Home”

"Closer To Home": o terceiro trabalho do Grand Funk Railroad, ainda como trio
“Closer To Home”: o terceiro trabalho do Grand Funk Railroad, ainda como trio

O terceiro trabalho de estúdio do Grand Funk Railroad, o clássico “Closer To Home”, completou 45 anos de lançamento no último dia 15 de junho. Produzido por Terry Knight, o álbum alcançou o status de Disco de Ouro em 1970, o terceiro da banda em um período de um ano.

Para promover o disco, Knight investiu pesado em publicidade e a banda gastou cerca de US$ em um quadro de aviso na Times Square, em Nova York, para divulgar “Closer To Home” e o resultado, aparentemente, surtira efeito no ano seguinte: igualou o recorde de público dos Beatles no Shea Stadium, de Nova York, com um pequeno detalhe em relação à banda de Liverpool, precisou de apenas 72 horas de vendas de ingressos, enquanto os Beatles levaram uma semana para vender todas as entradas no mesmo local.

Inclusive, a foto do encarte do play mostra a banda tocando ao vivo no Madson Square Garden em fevereiro de 1970.

O álbum trazia todos os itens essenciais para nenhum fã do GFR botar defeito: peso e groove à exaustão nas oito faixas que compõem o play. A épica linha de baixo em “Aimless Lady”; a excepcional interpretação de Mark Farner no piano em “Mean Misteater”; os vocais soul em “Hooked On Love” e o clássicão e hino atemporal “I’m Your Captain (Closer To Home)”, que traz o peso do trio mesclados com os arranjos orquestrados.

Além dessas, vale conferir também a faixa de abertura do trabalho – “Sin’s A Good Man’s Brother” -, que foi regravada pela banda sulafricana Suck em seu único álbum: “Time To Suck” (1970), trabalho que traz oito covers e um tema autoral. Aliás, o Suck regravou também a citada “Aimless Lady”. Outras bandas também regravaram “Sin’s A Good Man’s Brother”: o Monster Magnet em seu “Spine Of God” (1991) e o pessoal do Gov’t Mule em seu quarto trabalho de estúdio, “The Deep End, Volume 1” (2001).

Em 2002, o disco foi relançado e remasterizado em CD com faixas bônus e também em uma edição limitada de um box chamado “Trunk Of Funk”, que trazia os quatro primeiros plays da banda.

Esse trabalho do Grand Funk Railroad é imprescindível para quem quiser apreciar a obra de Mark Farner, Mel Schacher e Don Drewer afinco.

A seguir, a ficha técnica e o tracklist do disco.

Álbum: Closer To Home
Intérprete: Grand Funk Railroad
Lançamento: 15 de junho de 1970
Produtor: Terry Knight
Gravadora: Capitol Records

Mark Farner: guitarra, teclados e vocais
Mel Schacher: baixo
Don Brewer: bateria e vocais

1. Sin’s A Good Man’s Brother (Farner)
2. Aimless Lady (Farner)
3. Nothing Is The Same (Farner)
4. Mean Mistreater (Farner)
5. Get It Together (Farner)
6. I Don’t Have To Sing The Blues (Farner)
7. Hooked On Love (Farner)
8. I’m Your Captain (Closer To Home) (Farner)
Faixas bônus:
9. Mean Mistreater (alternate mix) (Farner)
10. In Need (live) (Farner)
11. Heartbreaker (live) (Farner)
12. Mean Mistreater (live) (Farner)

Por Jorge Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s