Exposição “E Se Quebrarem As Lentes Empoeiradas?” no Instituto Tomie Ohtake

Instituto Tomie Ohtake recebe a edição 2015 do programa "Arte Atual". Foto: Jorge Almeida / Arquivo
Instituto Tomie Ohtake recebe a edição 2015 do programa “Arte Atual”. Foto: Jorge Almeida / Arquivo

O Instituto Tomie Ohtake apresenta até o dia 10 de maio de 2015 a mostra “E Se Quebrarem As Lentes Empoeiradas?”, que faz parte do programa “Arte Atual”, em que o espaço retoma após a realização de duas edições entre 2013 e 2014. A atual edição apresenta os trabalhos de Eduardo Berliner, Marcone Moreira e Thiago Rocha Pitta.

Assim como as duas edições anteriores, a edição atual do programa traz exposições coletivas em que os projetos artísticos experimentais e inéditos são concretizados com apoio ativo de galerias de arte que representam os artistas participantes, e é realizada em parceria com as galerias Blau Projects, Casa Triângulo e Millan.

A exposição visa subversões dos saberes recorrentes, que são fundamentados num entendimento racional e científico.

Entre os destaques estão “Ave de Rapina” (2014), um óleo sobre lona e mdf, de Eduardo Berliner; os vídeos HD “Mapas Temporários de Uma Terra Não Redimentada” (2015), de Thiago Rocha Pitta; e “Territórios Líquidos” (2015), de Marcone Moreira.

SERVIÇO:
Exposição: E Se Quebrarem As Lentes Empoeiradas?
Onde: Instituto Tomie Ohtake  – Av. Brigadeiro Faria Lima, 201 (entrada pela Rua Coropés, 88) – Pinheiros
Quando: até 10/05/2015; de terça a domingo, das 11h às 20h
Quanto: entrada gratuita

Por Jorge Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s